Inclusão de aditivos na dieta é uma das tendências na nutrição de pets

A microbiota dos animais de companhia pode sofrer desequilíbrio devido a diversos fatores, que vão desde a formação genética à alimentação, ambiente, estresse e mesmo outras doenças relacionadas a esta categoria.

Atualmente as dietas comerciais destinadas aos pets estão cada vez mais específicas, oferecendo diferenciais quanto às raças, animais castrados, obesos, com alguma patologia ou até mesmo aqueles que vivem dentro de casa. De forma geral, o que pode caracterizar essas dietas é a inclusão de diferentes aditivos, por isso, a inserção destes ingredientes tem sido cada vez mais importante na indústria de pet food.

“O aumento da população pet e a mudança cultural relacionada aos cuidados com animais de companhia figuram entre os princípios que devem continuar fomentando o progresso desse nicho de mercado”, explica a Engenheira Agrônoma e Coordenadora Técnica de Pesquisa da Yessinergy, Verônica Lisboa.

Outro fator considerado é que as descobertas no cenário da nutrição animal se dão de forma extremamente dinâmica. Assim, novos produtos são desenvolvidos para atender a demanda desse mercado e a eficácia dos prebióticos e probióticos vai depender de muitos fatores, dentre os quais a associação com outros aditivos alimentares.

A indústria de alimentação para animais de companhia cresce concomitante com as pesquisas nessa área, pautada em objetivos não apenas de atender as necessidades nutricionais, mas também com o propósito de promover a saúde, bem-estar e diminuir os riscos de doenças aos pets. “Os pesquisadores e nutricionistas buscam ingredientes funcionais que aliem benefícios adicionais à nutrição primária, como é o caso dos prebióticos e probióticos para animais de companhia”, complementa Verônica.

Preparada para atender os mais exigentes mercados mundiais, a Yes, empresa que desenvolve soluções biotecnológicas para uma nutrição animal eficaz, segura e sustentável disponibiliza sua linha de prebióticos Gut Bio, composta por soluções biotecnológicas desenvolvidas especialmente para a modulação da microbiota intestinal, para nutrir e promover a saúde dos animais, incluindo o mercado pet food.

Recentemente a Yes ampliou seu portfólio de moduladores da microbiota intestinal, investindo no desenvolvimento do YES-FOS e do YES-GOS, ambos com eficácia comprovada na nutrição de animais de companhia, oferecendo ao mercado a possibilidade de sua utilização individual ou na forma do blend YES-GOLF.

“A YES entende que a nova fronteira na nutrição animal passa necessariamente pelo desafio da manutenção da boa saúde intestinal e da segurança alimentar. Dessa forma está preparada para acompanhar e suprir as demandas desse mercado, oferecendo soluções biotecnológicas que garantam a nutrição dos animais de companhia de forma sustentável, eficaz e segura”, salienta o CEO da Yes, Luciano Roppa.


Sobre a Yes

A Yes, empresa de biotecnologia em nutrição animal, desenvolve e produz aditivos nutricionais como adsorventes de micotoxinas, prebióticos, minerais orgânicos, blends e derivados de leveduras com o objetivo de melhorar o desempenho e saúde dos animais. Todos os produtos estão de acordo com as mais rigorosas leis dos mercados mundiais, como Estados Unidos e Europa. Fundada em 2008, a Yes tem escritório-matriz em Campinas/SP, quatro plantas de produção, uma em Lucélia/SP, uma em Novo Horizonte/SP, uma em Borá/SP e uma em Conceição da Barra/ES, um Centro de Logística e Distribuição em Lucélia/SP e outro em Londrina/PR. Atua em todo o Brasil, além de exportar para mais de 35 países, estando presente na América Latina, Europa, África e Ásia. Desde 2016 a empresa faz parte do portfólio de investidas do fundo de investimentos Aqua Capital.

Mais informações: https://www.yes.ind.br